Sim, o Brasil está um caos! E muita gente contribui para isso!

Não seja irracional ao postar nas redes!!

Não seja irracional ao postar nas redes!!

Sim, isso todos sabemos. O caos está instalado no Brasil e, potencialmente em alguns estados da federação. Porém, o que muitos navegadores de redes sociais não sabem, ou não querem saber, é que o caos do Brasil não é responsabilidade exclusiva do (des)governo do PT. Há muitos outros causadores/responsáveis.

Mais de 90% das pessoas que compartilham ‘conteúdos’ nas redes o fazem apenas para disseminar o que já chega pronto, sem nenhuma avaliação do que está sendo compartilhado quanto a sua veracidade ou autenticidade. Nada mais fazem do que pegar o que já está pronto, formatado e replicar, replicar, replicar… Não há busca por maiores informações, nem por outras ‘notícias’ que possam impactar tanto como as que temos visto diariamente.

O que mais vemos nas redes são notícias em que o atual partido que (des)governa o país aparece. Obviamente que não estou nada satisfeito com esse governo desgovernado, mas os problemas não começaram neles e tampouco são exclusividade deles. Mas a força que setores da mídia faz é para parecer isso e esquecer os demais políticos, seus partidos e suas lambanças.

Entre meus contatos, não tenho visto nada sobre o terrorismo com que o Governo Alckmin tem tratado estudantes na sua busca por fechar escolas no estado de SP. E aí vem a pergunta: onde estão aqueles que criticam a educação do Brasil e nada falam sobre fechamento de escolas?? Ou é apenas discurso contra um partido travestido de discurso político/moralista?? O significado disso é que o discurso parece tão somente político, tão somente seletivo. Ou seja, contra o (des)governo federal é pau de cima a baixo, já em relação aos outros governos de outros partidos ‘eu’ nem vejo… Ainda, o Governo do Paraná, no início desse ano, massacrou seus professores que reivindicavam por melhores salários. E onde está a indignação?? E o pior: o responsável por esse massacre, então secretário da segurança do PR, hoje é deputado federal, possui milhares de seguidores nas redes sociais, e se apresenta como paladino da moral e da ética…

Sim, a seletividade me incomoda!! Ou somos contra qualquer tipo de lambança e de corrupção de qualquer partido político e de qualquer tipo de cidadão, ou na verdade somos a favor da corrupção e de lambanças generalizadas! Precisamos de menos hipocrisia e menos seletividade e muito mais de austeridade! Por que as notícias sobre o filho do Lula são mega divulgadas e as notícias sobre filhos de FHC, Serra e outros nem são vistas? A mim não interessa se a roubalheira é do filho do Lula, do filho do FHC ou de qualquer outro filho da puta!!! Quero é que todos sejam tratados da mesma forma e sejam punidos se crime houver em suas atividades!! Ok, entendo que a institucionalização da corrupção pelo governo do PT, através de Mensalão e Petrolão, contribui muito para a formação dessa merecida imagem (e que não fique apenas na imagem, que sejam punidos exemplarmente). Mas eu não esqueço das lambanças de outros partidos que hoje se apresentam como santos purificados.

Em função de tudo isso, tenho cada vez mais certeza de que o Brasil é um país ainda muito frágil em diversos termos. Seja democraticamente, seja intelectualmente/culturalmente, seja politicamente. A visão seletiva faz com que assassinatos de pessoas brancas e mais bem classificadas socialmente gerem enorme repercussão e dramaticidade, ao contrário do que ocorre quando negros e pobres são mortos violentamente. A seletividade brasileira é política, social, além de ser descarada. E sabe porquê? Porque foi convencionado que quem questiona esse tipo de atuação é chamado de comunista, petista, petralha, canalha e tantos outros termos pejorativos, mesmo para aqueles que também criticam o (des)Governo Federal… É a maneira ‘bem argumentada’ dos ‘çábios’ oposicionistas defenderem a continuidade da seletividade e a retomada da perpetuação de seus entes políticos – também imorais e também desonestos – no cenário político-midiático como salvadores da pátria.

Enfim, cada um faz o que quer em seus perfis de redes sociais! Cada um pode ser Revoltado On Line e/ou seguir tantas outras páginas seletivas e apócrifas. Mas também cada um que posta tais absurdos precisa saber que ficará com uma imagem bem prejudicada e desgastada entre aqueles poucos que procuram ler e entender um pouco mais sobre todos os fatores que compõem o caos político desse nosso Brasil. Nunca esqueça que rede social não é um mundo diferente e que toda postagem e compartilhamento pode gerar algum constrangimento.

Anúncios

About Daniel Mello

Coordenador Comercial na Infoar - Mais Continental; Consultor em Marketing Direto e MKT de Relacionamento; Professor de Língua Portuguesa. Um profissional dedicado aos encantos da área comercial e aos mistérios da Comunicação Escrita e Produção de Textos! Um cara sempre em busca de aprendizado. E pronto para dividir expectativas, anseios e um pouquinho de conteúdo! ;)
Esta entrada foi publicada em Comunicação e marcada com a tag , , , , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s